Como a literatura auxilia nos meus estudos

Como a literatura auxilia nos meus estudos

A leitura só nos traz benefícios, como o aumento do conhecimento, do vocabulário, da argumentação e da capacidade criativa, por exemplo. Mas será que os livros de literatura são cruciais para o desenvolvimento nos estudos? Continue a leitura e descubra mais sobre o assunto

Estudar não é fácil, não é mesmo?! Demanda tempo, atenção, determinação e foco, entre outras condições. Mas, quando tudo se encaminha, com muito estudo, os objetivos que vamos traçando, ao longo da vida, vão sendo alcançados. Isso é fato!

Pensando nesse cenário, vamos refletir um pouco: será que o contato com a literatura pode auxiliar nos estudos? O que você acha?

Já está mais que provado que ler só traz benefícios ao ser humano:

  • a leitura aumenta o nosso conhecimento de mundo e o nosso repertório sociocultural;
  • o contato com bons textos amplia o nosso vocabulário e aumenta a nossa capacidade de interpretação e, também, de argumentação, o que acaba influenciando, de forma positiva, a nossa escrita; e
  • contribui para o desenvolvimento da nossa capacidade criativa. 

Os livros de literatura e os estudos

E quando nos envolvemos com a leitura literária, será que esse tipo de leitura auxilia nos estudos?

Antonio Candido, sociólogo, crítico literário e professor universitário brasileiro que dedicou parte da vida aos estudos da literatura brasileira e estrangeira, dentre as muitas questões que estudou e que desenvolveu ao longo de uma vida produtiva e inspiradora, defendeu o fato de que nós temos “o direito à literatura”. Veja só, o direito!

Ou seja, segundo Candido, ter acesso à literatura não é apenas uma opção ou um privilégio para os momentos de lazer, por exemplo, trata-se de um direito. E por que será que ele pensava assim?

“O direito à literatura” foi um ensaio escrito por Antonio Candido, no ano de 1988, para  uma  palestra  sobre  direitos  humanos, e esse texto acabou sendo referência, naquele contexto, dentro dos debates sobre o papel da literatura na sociedade contemporânea. 

De acordo com a professora Maria Sílvia Betti, da Universidade de São Paulo (USP), essa concepção do crítico agrega à literatura a função de promover uma integração no que diz respeito à sociedade, “[…] exercendo função transformadora e humanizadora, ampliando a capacidade de aceitação do ser humano diante de seu semelhante, estimulando-o para a reflexão, organizando seu pensamento e libertando-o do caos.” (2019, p. 57).

E, diante da perspectiva de Antonio Candido, podemos pensar na literatura como uma fonte de apropriação que nos permite extrapolar todas as expectativas no que diz respeito à nossa constituição enquanto seres completos, seja em nossa formação pessoal, seja em nossa necessidade de conhecer o mundo ao nosso redor, ou diante dos nossos estudos.

A leitura, especialmente a leitura literária, tem a capacidade de enriquecer o nosso conhecimento, de estimular o nosso pensamento e de nos levar a reflexões consistentes e produtivas.

Por isso, neste nosso primeiro encontro aqui neste blog, a minha dica é esta: ainda que o avanço tecnológico e o acesso a inúmeros recursos midiáticos seja uma realidade, e mesmo diante do crescimento e da propagação das culturas de massa e em meio a uma confluência de informações, invista na leitura literária, pois ela pode abrir a nossa mente, estimular o nosso intelecto e aquecer o nosso coração. 

Leitura literária, use sem moderação!

Um forte abraço e até a próxima!

Aqui vão as referências utilizadas neste texto para você consultar:

BETTI, Maria Sílvia. “O direito à literatura”, de Antonio Candido. In: Literatura e Sociedade: Revista do Departamento de teoria Literária e Literatura Comparada. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, n. 30, 2019.2, p. 56-63. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/ls/issue/view/11381/1776. Acesso em: 11 jul. 2020.

CANDIDO, Antonio. O direito à literatura. In: Vários escritos. São Paulo: Duas Cidades; Ouro sobre azul, 1995.

CANDIDO, Antonio. Formação da literatura brasileira. 12. ed. Rio de Janeiro: Ouro sobre azul, 2009.

Espero que tenha gostado da leitura. Não se esqueça de deixar as sua opinião nos comentários! 

Por: Adriana Giarola Ferraz Figueiredo

Leia mais: A liderança em tempos de crise

essential oils that help erectile dysfunction natural male enhancement elephant how to treat low sex drive kegel exercises help erectile dysfunction proven pills for ed promagnum xl male enhancement do sunflower seeds help with erectile dysfunction erectile dysfunction cure exercise uk how to help cure premature ejaculation what is the most effective natural male enhancement best male enhancement meds long term cure for premature ejaculation what happens if i take a male enhancement top 10 male enhancements is sex pills is allowed to import male enhancement pills androzene top male enhancement pill immediate harder erection pills over the counter male enhancement vitamins chewable viagra vs pills erectile dysfunction after drug use pxl male enhancement formula reviews hard natural male enhancement sex pills x10 what does it mean in text male sexual enhancement gummies over the counter pills to increase male sex drive will cbd cream help sciatica pain cbd solutions gummies how long do you stay high on cbd gummies where can i buy condor cbd gummies cbd oil products list can cbd be prescribed for anxiety nutritional frontiers cbd gummies cbd rub for muscle pain does thc provide other benefits than cbd best cbd oil for arthritis pain uk cbd oil topical benefits where can i buy green health cbd gummies gummy cbd frogs best cbd gummies for male enhancement